MINHA  VIDA  E  DE  MEUS  AMIGOS  SOBRE  DUAS  RODAS

Contatos: Cassola - (51) 99983-1064     accassola@gmail.com

Banner
Banner
Banner
Banner

Calendário de Eventos

No Mês passado Janeiro 2018 No Mês próximo
D 2a 3a 4a 5a 6a S
week 1 1 2 3 4 5 6
week 2 7 8 9 10 11 12 13
week 3 14 15 16 17 18 19 20
week 4 21 22 23 24 25 26 27
week 5 28 29 30 31

Últimas Notícias

Posição de pilotagem.
Qui, 23 de Julho de 2009 08:58
Imprimir E-mail
Dicas

Tente se posicionar na moto bem antes de uma curva assim você não faz a curva e se movimenta em cima da moto ao mesmo tempo.

Por Andrew Trevitt
Fotografia: Kevin Wing


1-As motos têm se tornado cada vez mais leves, assim , sua massa corporal e seu posicionamento têm um papel cada vez mais importante na tocada de uma moto. Nósjá discutimos previamente a posição apropriada de pilotagem para as ruas (“posicionamento estratégico,” em Junho de 2000), mas vale a pena relembrar. Não é uma cena muitobonita, mas na rua seu corpo deve estar centrado no assento, com seu tronco e coluna em linha com a moto. Mantenha sempre sua cabeça inclinada no nível do horizonte, e use seus joelhos e músculos abdominais para colocar a menor carga possível sobre o guidão. Mantenha seus cotovelos dobrados e use seus músculos das costas para segurar seu tronco reduzindo o efeito do seu corpo na suspensão dianteira e na direção da moto.



2-Quando se fala em pista, um posicionamento exagerado do corpo se torna necessário para manter a moto mais ereta. Isto mantém a moto distante do chão, e põe mais borracha em contato com o chão. Muitos pilotos de rua e pistas, especialmente aqueles com histórico em motocross, tendem a manter seus corpos eretos, e deitam as suas motos nas curvas. Dependendo da velocidade na curva, a moto deve ser deitada ainda mais, assim, a distância do solo e a tração serão comprometidos. Enquanto isto parece confortável, e alguns pilotos(Larry Pegram, por exemplo) parecem fazer a técnica funcionar, você ouvirá muito ruídos de borracha moendo e verá a banda de rodagem do pneu acabando. No fim das contas sem ganhar muita velocidade.



3-Enquanto se pendurar fora da moto parece ser bom, se for levado ao extremo pode pode lhe causar problemas. Esta técnica mantém a motocicleta mais ereta com mais borracha em contato com o solo, mas há outras variáveis a se considerar. Pendurar fora moto diminui muito seu controle do guidão, porque seus braços estarão em um ângulo inadequado; eles devem segurar seu corpo além de dirigir a moto. Seu pé exterior também mal encostará na pedaleira, significando que você não pode pôr nenhum peso sobre ele se precisar. Ainda há também a possibilidade de simplesmente cair se você passar por uma irregularidade napista - não ria, isso pode acontecer. Os pilotos de ponta e muito experientes que diminuem estes riscos (por exemplo, Eric Bostrom) pode fazer estas posições contorcionistas funcionarem, e levam vantagem de cada momento de tração